sábado, 17 de março de 2012

roller girl

"and those were the days of roses, poetry and prose".

o ruído do néon desgasta os olhos descarnados. a falta da fome em uma cidade vício toma o golpe disparado pela multidão de músicas entocadas no salão de festa familiar. os sintomas residuais de uma labirintite pontilhando com os dedões as dezenas de ranhuras da pista não adivinhavam a imanência daquela gastura.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário