domingo, 3 de julho de 2011

microconto: do suco ao whisky.

De novo a morte do cavalo pobre da esquina.
Do suco ao whisky. Oração perdida da tarde reta, retangular que enforca formigueiros e assopra paredes sem janelas. Especismo, morte e doces jogados para um amor nas encruzilhadas de um quarto de irmãs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário