sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

microconto: longe das serras.

daquelas invasões de julho, as fotografias do cerrado jogadas na gaveta rasgam promessas. O descongestionante nasal não remedia madrugadas de confronto com a lagartixa fina, agora dona do quarto. No retorno; medo, selvas, coretos, avião e lábios de dor. Fora do amor a praça Tiradentes fica longe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário